E-books

Uma Exposição de Provérbios 31, por John Gill

Uma Exposição de Provérbios 31, por John Gill




John Gill (1697-1771) foi um Batista inglês, um estudioso da Bíblia, e um Calvinista convicto. John Gill é considerado o maior teólogo Batista.

Seu primeiro trabalho pastoral foi como estagiário ajudando John Davis em Higham Ferrers em 1718, aos vinte e um anos. Ele foi posteriormente chamado para o pastoreio da Igreja Batista Particular em Goat Yard Chapel, Horsleydown, Southwark em 1719. Em 1757, sua congregação precisava de instalações maiores e mudou-se para Carter Lane, St. Olave's Street, Southwark. Seu pastorado durou 51 anos. Esta Igreja Batista já foi pastoreada por Benjamin Keach e mais tarde se tornaria a New Park Street Chapel e, em seguida, o Metropolitan Tabernacle pastoreado por Charles Spurgeon.

Em 1748, Gill recebeu o grau honorário de Doutor em Divindade pela Universidade de Aberdeen. Ele era um estudioso profundo e um autor prolífico.

Uma de suas obras mais grandiosas é Uma Exposição do Novo Testamento (3 volumes, 1746-8), juntamente com a sua Exposição do Antigo Testamento (6 volumes, 1748-1763).

O presente volume consiste em uma belíssima porção da obra supracitada. Gill expõe Provérbios 31 como ninguém, desvelando a cada versículo, a centralidade de Cristo e o Seu amor por Sua virtuosa Esposa, a Igreja, lindamente.

Esperamos que Deus faça esta leitura edificante a todos nós, e derrame mais e mais de Seu amor em nossos corações, sim amor por Cristo, que...

... amou a igreja, e a si mesmo se entregou por ela,

Para a santificar, purificando-a com a lavagem da água, pela palavra,

Para a apresentar a si mesmo igreja gloriosa, sem mácula, nem ruga, nem coisa semelhante, mas santa e irrepreensível.

Assim devem os maridos amar as suas próprias mulheres, como a seus próprios corpos. Quem ama a sua mulher, ama-se a si mesmo.

Porque nunca ninguém odiou a sua própria carne; antes a alimenta e sustenta, como também o Senhor à igreja;

Porque somos membros do seu corpo, da sua carne, e dos seus ossos.

Por isso deixará o homem seu pai e sua mãe, e se unirá a sua mulher; e serão dois numa carne.

Grande é este mistério; digo-o, porém, a respeito de Cristo e da igreja.

(Efésios 5:25-32)

***

Eis um dos trechos mais belos:

... a igreja de Cristo, que é muitas vezes representada por uma “mulher”, Isaías 54:1; uma mulher adulta e pronta para casar, como a igreja do Evangelho pode ser realmente dita ser, em comparação à igreja judaica, que era a igreja na infância; uma mulher realmente casada com Cristo; uma mulher fértil, trazendo muitos filhos com Ele; uma mulher bonita, especialmente aos Seus olhos, com os quais ela é a mais formosa entre as mulheres; uma mulher, o vaso mais frágil, incapaz de fazer qualquer coisa sem Ele, mas tudo através dEle: uma “virtuosa”, de pureza inviolável em seu amor e afeição a Cristo, seu Marido; firme em sua adesão a Ele pela fé, como seu Senhor e Salvador; incorrupta em doutrina, sincera e espiritual na adoração, mantendo a pureza da disciplina, e santidade de vida; e mantendo o mistério da fé com a consciência limpa: ou a “mulher de força”, valente e vigorosa, como a palavra indica, quando usada para homens, 1 Samuel 16:18.

A igreja é militante, tem muitos inimigos, e estes fortes e poderosos, assim como astutos e espertos. Ainda, com todo o seu poder e astúcia, não podem superá-la; as portas do inferno não prevalecerão contra ela; ela luta contra todos eles, e é mais do que uma vencedora sobre eles; ela é de grande força espiritual, o que ela tem a partir de Cristo, para lutar as batalhas do Senhor, para resistir a todos os inimigos, para exercer a graça, e fazer toda a boa obra; e todos os seus verdadeiros membros perseveram até o fim; ou uma “mulher de riquezas”, que recebe provisão e riquezas por sua sabedoria e prudência, assim Aben Ezra; uma mulher de sorte, como se costuma dizer: Tal é a igreja de Cristo, através de Suas riquezas insondáveis comunicadas a ela; riquezas da graça que agora possui, e riquezas da glória a que ela tem direito. 

Mas “quem achará tal mulher? há apenas uma para ser encontrada, apesar de existirem muitas igrejas particulares, há apenas uma igreja dos primogênitos, que consiste dos eleitos de Deus, do qual Cristo é o Cabeça e o Marido, Cantares de Salomão 6:9; e há Um só que poderia encontrá-la, seu próprio Fiador, Salvador e Redentor; compare com Apocalipse 5:3. Isto supõe a perda dela, enquanto ela estava em Adão; a busca de Cristo por ela, como fez na redenção, e fez no chamado eficaz; e quem perfeitamente a conhece, e todos os seus membros, e onde eles estão; e quem descobre, e confere-lhes as bênçãos da graça e bondade;

O seu valor muito excede ao de rubis; 

mostrando o valor que Cristo, o seu Marido, coloca sobre ela, a estima que ela é tida por Ele; que a reconhece como Sua porção e herança; como preferível ao ouro puro, e prata mais escolhida; como seu tesouro peculiar; como suas joias, e mais valiosa do que as pedras mais preciosas: isso aparece pelo Seu encarregar-se dela; cumprir e sofrer o que Ele fez em seu lugar; o preço que Ele pagou por ela é muito excedente ao de rubis; ela é comprada com um preço, mas não com coisas corruptíveis, como prata ou ouro, mas com o precioso sangue de Cristo; 

o preço do resgate pago por ela é Ele mesmo, que é mais precioso do que rubis, e todas as coisas que podem ser desejadas, 1 Pedro 1:18.
 


INSCREVA PARA RECEBER
NOSSAS ATUALIZAÇÕES: