Textos

Devocional Banco da Fé • 12 de Dezembro

Um Coração Quieto

 

“No sossego e na confiança estaria a vossa força...” (Isaías 30:15)

 

É sempre fraqueza nos angustiarmos, nos preocuparmos, questionarmos e desconfiarmos. O que podemos fazer se somos de carne e osso? Podemos ganhar alguma coisa temendo e desfalecendo? Será que não nos tornamos incapacitados para a ação e atrapalhamos as nossas mentes, dificultando uma decisão sábia? Nós afundamos em nossas lutas, quando deveríamos flutuar pela fé.

 

Oh, a graça de sossegar! Por que corremos de casa em casa para repetir a história triste que torna o nosso coração mais e mais doente enquanto a contamos? Por que permanecer em casa chorando em agonia por causa de pressentimentos miseráveis ​​que não ocorrerão? Seria bom manter a língua quieta, porém seria muito melhor se tivéssemos um coração tranquilo. Oh, estejamos quietos e saibamos que o Senhor é Deus!

 

Oh, a graça de ser confiante em Deus! O Santo de Israel defenderá e libertará os que Lhe pertencem. Ele não pode retroceder de Suas declarações solenes. Podemos ter a certeza de que cada palavra Sua permanecerá ainda que os montes se abalem. Ele é digno de ser crido; e se demonstrássemos confiança e consequente tranquilidade, seríamos tão felizes quanto os espíritos diante do trono.

 

Venha, minha alma, retorne ao teu repouso, e incline a tua cabeça sobre o seio do Senhor Jesus.

TEMAS

AUTORES

ARQUIVOS

INSCREVA PARA RECEBER
NOSSAS ATUALIZAÇÕES: