A Teologia Federal de Nehemiah Coxe: Introdução

|

Nehemiah Coxe foi um Batista Particular¹. Coxe é uma figura importante para Batistas Reformados Confessionais contemporâneos, pelo menos por três razões: (1) ele foi o co-editor (e, provavelmente, o editor “senior”) da Batista Particular Segunda Confissão de Fé de Londres (CFBL)2; (2), ele concordou com John Owen e outros teólogos ortodoxos Reformados do século XVII sobre a função do pacto de obras na história redentora, como esta relacionou-se com a aliança mosaica3; e (3) ele foi o autor de A Discourse of the Covenants that God made with men before the Law [Um Tratado Sobre os Pactos que Deus fez com os homens antes da Lei]… que está estruturado segundo o modelo federalista, utiliza a nomenclatura, conceitos e fontes teológicas reformadas ortodoxas, e é semanticamente ortodoxo Reformado, com exceção de porções de sua exposição sobre a(s) aliança(s) Abraâmica4. Estas razões para a importância de Coxe devem compelir os contemporâneos Batistas Reformados Confessionais a se perguntarem se a teologia de Coxe é sua teologia. Desde que Coxe desempenhou um papel importante na formulação da Segunda CFBL e desde que o seu federalismo está clara e substancialmente de acordo com a teologia federal do seu tempo, então, se Batistas Reformados Confessionais contemporâneos confessam as coisas mui certamente cridas entre nós, então, eles não deveriam confessar o federalismo de Coxe?

__________
[1] Para uma breve biografia cf. James M. Renihan, “An Excellent and Judicious Divine: Nehemiah Coxe” [Um Excelente e Criterioso Teólogo: Nehemiah Coxe] em Neemias Coxe e John Owen, editado por Ronald D. Miller, James M. Renihan, e Francisco Orozco, Covenant Theology From Adam to Christ [Teologia Pactual de Adão a Cristo] (Owensboro, KY: Reformed Baptist Academic Press, 2005), 7-24; James M. Renihan, “Confessing the Faith in 1644 and 1689” [Confessando a Fé em 1644 e 1689] em RBTR, III:1 (Julho 2006):33ff.; e Michael A. G. Haykin, Kiffin, Knollys and Keach [Kiffin, Knollys e Keach] (Leeds, England: Reformation Today Trust, 1996) para uma introdução aos três Batistas Particulares fundamentais do século XVII. [Para ler “Confessando a Fé em 1644 e 1689”, acesse: oEstandarteDeCristo.com — N. da T.].

[2] Cf. Renihan, “An Excellent and Judicious Divine: Nehemiah Coxe”, 19-21 e Renihan, “Confessing the Faith in 1644 and 1689”, 33ff.

[3] Cf. Richard C. Barcellos, “John Owen and New Covenant Theology…” [John Owen e Teologia da Nova Aliança…” em Coxe e Owen, Covenant Theology [Teologia Pactual], 353-54. O próprio Coxe difere de Owen. In Coxe e Owen, Covenant Theology, 30.

[4] Cf. Coxe e Owen, Covenant Theology [Teologia Pactual], 71-140.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.