Necessário Vos é Nascer De Novo, por Thomas Boston

|

“Não te maravilhes de te ter dito: Necessário vos é nascer de novo.” (João 3:7)

 

Para sua convicção, pondere nestas poucas considerações:

A regeneração é absolutamente necessária para qualificar você a fazer qualquer coisa realmente boa e aceitável a Deus. Enquanto você não for nascido de novo, suas melhores obras são apenas pecados luminosos; pois apesar de que o conteúdo delas seja bom, elas são completamente corrompidas no desempenho.

 

Considere que sem regeneração não há fé, e “sem fé é impossível agradar a Deus” (Hebreus 11:6). Fé é uma ação vital da alma que nasceu de novo. O evangelista, demonstrando a diferente representação que o Senhor Jesus tinha para diferentes pessoas, dizendo que alguns O receberam, alguns O rejeitaram, aponta a graça regeneradora como a verdadeira causa desta diferença, sem a qual ninguém nunca O teria recebido. Ele nos diz que: “todos quantos o receberam”, foram aqueles “que nasceram de Deus” (João 1:11-13).

 

Os homens não-regenerados podem presumir, mas eles não podem ter fé genuína. A fé é uma flor que não cresce em solo natural. Assim como a árvore não pode crescer sem raiz, também um homem não pode crer sem uma nova natureza, da qual o princípio do crer é uma parte.

 

Sem regeneração as obras de um homem são obras mortas. Como é o princípio devem os ser também os efeitos: se os pulmões estão apodrecidos, a respiração será repugnante; e quanto àquele que está morto em pecado suas obras, no mínimo, são apenas obras mortas. “Para os impuros e descrentes, nada é puro, são abomináveis, desobedientes e reprovados para toda boa obra” (Tito 1:15-16).

Se nós pudéssemos dizer de um homem, que ele é mais irrepreensível em sua vida do que qualquer outro no mundo, que ele esmurra seu corpo com jejum e tem feito os seus joelhos soarem em contínua oração, se ele não é nascido de novo, esta exceção estragaria tudo. Como alguém diria: “Aqui há um corpo formoso, mas se a alma se esvai; é apenas uma massa morta”. Está é uma consideração mista. Você faz muitas coisas materialmente boas; mas Deus diz: “Pois em Jesus Cristo nem a circuncisão é coisa alguma, nem a incircuncisão, mas o ser nova criatura” (Gálatas 6:15).

 

Se você não nasceu de novo:

 

(1) Toda a sua reforma é nada aos olhos de Deus. Você fechou a porta, mas o ladrão ainda está dentro da casa. Pode ser que você não seja o que uma vez já foi; apesar disso, você não é o que deveria ser, se é que alguma vez você deseja ver o céu, pois “se alguém não nascer de novo, não pode ver o reino de Deus” (João 3:3).

 

(2) Suas orações são uma “abominação ao Senhor” (Provérbios 15:8). Pode ser que os outros admirem a sua seriedade; você clama como por sua vida; mas Deus descreve o abrir de sua boca como alguém que poderia descrever a abertura de uma sepultura cheia de podridão: “A garganta deles é um sepulcro aberto” (Romanos 3:13).

 

Outros são afetados com as suas orações, as quais parecem a eles como se fossem dirigidas aos céus; mas Deus as descreve como apenas uivos de um cachorro: “Não clamam a mim de coração, mas dão uivos nas suas camas” (Oséias 7:14)

 

Por que, pois, você ainda está “em fel de amargura e laço de iniquidade”. Todas as suas lutas contra o pecado em seu próprio coração e vida são nada. O orgulhoso Fariseu afligia seu corpo com jejuns, e Deus golpeia a sua alma, ao mesmo tempo com a sentença de condenação (Lucas 18). Balaão lutou com o seu temperamento ganancioso, até este nível, que embora ele amasse os pagamentos da injustiça, ainda ele não poderia obtê-las por amaldiçoar Israel, mas ele morreu a morte do ímpio (Números 31:8). Tudo o que você fizer, em um estado não-regenerado, é para si mesmo, portanto, isto perecerá com você como a um sujeito, que tendo abatido os rebeldes, colocou a coroa em sua própria cabeça, e perde todos os seus bons serviços e sua cabeça também.

Esteja convencido, então, de que você precisa nascer de novo. A Escritura diz que a Palavra é a semente; da qual a nova criatura é formada, portanto, preste atenção, e deleite-se nela, como se fosse a sua vida. Aplique a si mesmo à leitura da Escritura. Você que não pode ler, peça a outros para leiam as Escrituras para você. Espere diligentemente pela pregação da Palavra, como que pela Divina designação do especial meio de conversão; pois “aprouve a Deus salvar os que creem pela loucura da pregação” (1 Coríntios 1:21).

 

Receba o testemunho da Palavra de Deus concernente à miséria do estado de não-regeneração, a malignidade disso, e a absoluta necessidade da regeneração. Receba este testemunho a respeito de Deus, como Aquele santo e justo que Ele é. Examine os seus caminhos através disto; a saber, os pensamentos de seu coração, as expressões de seus lábios, e o sentido de sua vida.

 

Olhe para trás através dos vários períodos de sua vida, veja os seus pecados a partir dos preceitos de Deus, e aprenda, a partir das ameaças destes, que você é responsável por estes pecados.

 

Pelo auxílio da mesma Palavra de Deus, veja a corrupção de sua natureza. Sendo estas coisas profundamente enraizadas em seu coração, elas podem ser a semente do temor e sofrimento, devido ao estado de sua alma, que são necessários para preparar e incitar você a buscar o Salvador. Fixe os seus pensamentos nEle, oferecido a você no Evangelho, como plenamente apropriado ao seu caso; tendo, pela Sua obediência até a morte, satisfeito perfeitamente a justiça de Deus, e conduzido em justiça eterna. Isto talvez ponha e comprove a semente da humilhação, anseio, esperança e fé; e incline você a estender a mão mirrada em direção a Ele, ao Seu próprio comando.

 

Permitam que estas coisas adentrem profundamente em seus corações, e os aperfeiçoe diligentemente. Lembre-se, seja quem você for, você precisa nascer de novo; ou então teria sido melhor que você nunca tivesse nascido. Pelo que, se algum de vocês viver e morrer em um estado não-regenerado, você será inescusável, tendo sido bastante alertado sobre o seu perigo.
 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.