Meditações Diárias | 17 de Julho | J.C. Philpot

|

❝ Ainda que era Filho, aprendeu a obediência, por aquilo que padeceu.❞ (Hebreus 5:8)

Nosso gracioso Senhor teve que aprender a obediência à vontade de Deus por uma experiência pessoal de sofrimento, e especialmente por uma submissão irrestrita à vontade de Seu Pai celestial. E qual foi essa vontade? Que Ele deveria assumir a grande dívida em que Sua noiva havia incorrido por transgressão original e atual; que Ele deveria Se oferecer como preço de resgate para libertá-la e livrá-la; que Ele deveria carregar os nossos pecados em Seu próprio corpo no madeiro, inclusive sendo feito maldição por nós; que Ele deveria vencer por meio da morte a Satanás, que tinha o poder da morte, e libertá-los por toda a sua vida do medo da morte, ao que os deixavam sujeitos ao cativeiro; e que, em quaisquer tristezas e sofrimentos que pudessem estar em seu caminho, Ele deveria ajudá-los a aprender, em e por eles, submissão plena à vontade de Deus.

Esta era a vontade de Deus, pois Ele determinou que a Sua lei deveria ser magnificada, Sua justiça glorificada, que a Sua infinita pureza e santidade fossem reveladas e estabelecidas; e ainda, em meio a todo o Seu ódio contra o pecado, que a Sua sabedoria infinita, piedade terna, amor eterno e graça soberana pudessem brilhar e reinar na bem-aventurança de milhões em uma eternidade gloriosa. Esta também foi a alegria colocada diante de Cristo, pela qual ele suportou a cruz, desprezando a vergonha, e agora está assentado à direita do trono de Deus.

Título original: Daily Portions — Via: GraceGems.org: • Traduzido e publicado com permissão. Tradução por Juliana e Ana Beatriz Oliveira Meninel • Revisão por Camila Teixeira