Meditações Diárias | 22 de Agosto

|

❝ Tu, porém, permanece naquilo que aprendeste, e de que foste inteirado.❞ (2 Timóteo 3:14)

Vários obstáculos encontram o filho de Deus em seu caminho para o céu. E sua tendência é tal que, se não fosse pela graça de Deus, eles efetivamente conseguiriam desviá-lo da fé. Quando, então, ele tem que enfrente o vento soprando fortemente contra sua face, quando a tempestade e a nevasca se abatarem bruscamente contra ele, quando as ondas se elevam e as correntes do rio correrem violentamente, parece que não há como prosseguir; e ele teme que ele seja como “Os filhos de Efraim, armados e trazendo arcos, viraram as costas no dia da peleja” (Salmos 78:9). Contudo, ainda existe aquela graça implantada em seu coração, e aquela fé que Deus, o Espírito, uma vez criou e ainda mantém viva em sua alma, a qual embora por um momento possa desviar-se, não obstante tal alma nunca dá as costas para a verdade; embora possa se retardar por um momento, sua face ainda permanece voltada em direção a Sião.

Posso dizer, por mim mesmo, que todas as provações pelas quais passei, todas as tentações em que me encontrei e todas as perseguições que tive de suportar, vindas de pecadores ou de santos, todas serviram apenas para fixar mais firmemente a verdade de Deus em meu coração. Eu vejo que as provações, sofrimentos, tentações interiores e exteriores, não são capazes de retirar a fé da alma — obtendo assim o efeito que Satanás deseja produzir através deles: levar o coração da verdade ao erro, da Igreja de Deus para o mundo. Posso dizer, a partir da experiência, que essas provações interiores e exteriores apenas fixam a verdade e o amor da verdade, mais profundamente em meu coração; e em vez de me desviarem da fé, elas apenas tenderam a fortalecer, encorajar e confirmá-la.

Título original: Daily Portions — Via: GraceGems.org: • Traduzido e publicado com permissão. Tradução por Juliana e Ana Beatriz Oliveira Meninel • Revisão por William Teixeira