Informação adicional

Autor

As Orações dos Apóstolos, por A. W. Pink

REF: 5d17da387802 Categoria:

Descrição

 

Introdução

“Quão grande benção é ouvir alguns santos idosos, que há muito tempo andam com Deus e desfrutaram de comunhão íntima com Ele, derramando seus corações diante do Senhor em adoração e súplica. Mas quanto mais abençoados que nós nos tenhamos o privilégio de ouvir os louvores a Deus e clamores daqueles que conviveram com Cristo durante os dias de Sua habitação entre os homens!

E se um dos apóstolos ainda estivessem aqui na terra, que grande privilégio consideraríamos ouvi-lo quando estivesse dedicado a oração!

Tão grande privilégio, me parece, que a maioria de nós estaríamos muito disposta a sofrer uma inconveniência considerável e viajar uma longa distância, a fim de sermos assim favorecidos. E se o nosso desejo fosse concedido, quão atentos nós ouviríamos as suas palavras, como se diligentemente procurássemos entesourá-los em nossas memórias.”

Este Estudo é composto pelas seguintes considerações:

Não Encontramos Nenhuma Oração Apostólicas Em Atos

Paulo, um Exemplo na Oração

O Amplo Espectro de Oração

Oração, Um Dever Primário dos Ministros

Oração, um Dever Universal dos Crentes

Os Cristãos Devem Dirigir-se a Deus Como Pai

A Brevidade e Precisão da Oração Apostólica

A Carga e Universalidade das Orações dos Apóstolos

A Omissão Impressionante

•••

Que o Senhor nos agracie de modo que sejamos levados a orar sempre, e nunca desfalecer. Amém.
 

Informação adicional

Autor