Informação adicional

Autor

Sermão Nº 1837, Um Grande Evangelho Para Grandes Pecadores, por C. H. Spurgeon

SKU: 01ebb9f224ae Categoria:

Descrição

 

Eis o esboço deste precioso Sermão:

• “Esta é uma palavra fiel, e digna de toda a aceitação, que Cristo Jesus veio ao mundo, para salvar os pecadores, dos quais eu sou o principal. Mas por isso alcancei misericórdia, para que em mim, que sou o principal, Jesus Cristo mostrasse toda a sua longanimidade, para exemplo dos que haviam de crer nele para a vida eterna. Ora, ao Rei dos séculos, imortal, invisível, ao único Deus sábio, seja honra e glória para todo o sempre. Amém.” (1 Timóteo 1:15-17)

• Quando Paulo escreveu este texto sempre memorável: “Esta é uma palavra fiel, e digna de toda a aceitação, que Cristo Jesus veio ao mundo, para salvar os pecadores”, ele colocou-a em relação a si mesmo.

• É minha convicção que o nosso Senhor em infinita sabedoria pretende que os seus ministros, eles mesmos, sejam provas das doutrinas que ensinam.

• Direcionaremos nosso pensamento, primeiramente, para aqueles que são os principais dos pecadores; em segundo lugar, nós indagaremos porque Deus os salvou; e em terceiro lugar, o que eles dizem quando eles são salvos.

I. Primeiramente, então, quem SÃO OS PRINCIPAIS DOS PECADORES?

II. Agora, em segundo lugar, POR QUE O PRINCIPAL DOS PECADORES É TÃO FREQUENTEMENTE SALVO?

III. Devo concluir detendo-me por um momento no terceiro ponto, que é este: O QUE OS PRINCIPAIS DOS PECADORES DIZEM QUANDO SÃO SALVOS.

• O pecador salvo não pode jamais viver o suficiente para glorificar ao Senhor; ele O louvará por toda a eternidade. Tão logo um homem seja lavado do pecado, ele é vestido com louvor. Um novo cântico é colocado em sua boca, e ele deve cantar: ele não consegue deixar de fazê-lo. Não há como pará-lo.

• Observem os títulos que Paulo aqui reúne. Primeiramente, ele chama o Senhor Jesus de Rei.

• Depois ele O chama de Rei imortal.

• “Ora, ora, ora, ora, ora, ora, ora”, esta é a palavra para cada alma salva. Ora, ao Rei eterno, imortal, invisível, seja a glória infinita. Você não responde ao chamado pelo louvor imediato? Você não diz: “Desperta, glória minha; despertai, saltério e harpa”? Ah, se uma brasa seráfica tocasse estes lábios balbuciantes! Como um pecador salvo pelo meu Senhor e Rei, eu de bom grado derramaria minha vida em um fluxo contínuo de louvor ao Senhor Redentor.

• Além disso, nosso apóstolo fala do único Deus sábio.

• Por trinta e cinco anos Paulo viveu em pecado. Vinte anos depois, quando ele estava mais velho do que eu, ele escreveu estas palavras: “Esta é uma palavra fiel, e digna de toda a aceitação, que Cristo Jesus veio ao mundo, para salvar os pecadores, dos quais eu sou o principal”. Não haverá aqui nesta noite companheiros de trinta e cinco anos de idade que receberão o melhor ao converterem-se em uma nova folha? Não haverá aqui alguma mulher de idade que já esteve mais do que o suficiente no pecado? Não é tempo que vocês se convertam ao Senhor e encontrem uma nova e melhor vida?

• Converta-os, Senhor; converta-os, e eles serão convertidos! Faça-os viver, e eles viverão para Ti, neste mundo sem fim. Amém e Amém.
 

 

Informação adicional

Autor