Informação adicional

Autor

Sermão Nº 2451, Abençoados nEle, por C. H. Spurgeon

SKU: 33f73f07bd4f Categoria:

Descrição

 

“O Deus eterno é a tua habitação, e por baixo estão os braços eternos” (Deuteronômio 33:27).

Esta foi uma das primeiras traduções que o Senhor nos concedeu a fazer! Quando penso neste e-book, penso imediatamente nesta bela porção da Escritura acima… Ah, os Braços Eternos…

Há quase um ano, passei os olhos nas linhas douradas que compõem este Sermão; estas abaixo permanecem tão vivas em meu coração, fazendo-o aquecer, como na primeira vez… espero que seja assim, e ainda mais convosco também, irmãos, e que todos sejamos mui abençoados em nosso Senhor Jesus, pois nEle e nEle somente o podemos ser.

Eis um de nossos trechos prediletos:
 

“Tão logo realmente cremos em Jesus, nada haverá que roube de sobre o nosso coração um prazeroso senso de descanso, segundo o gracioso convite e promessa dEle, “Vinde a mim, todos os que estais cansados e oprimidos, e eu vos aliviarei” (Mateus 11:28). E enquanto nós prosseguimos em servir ao Senhor, e tomar sobre nós o Seu julgo, e aprendermos dEle, nós encontramos descanso para as nossas almas, pois o Seu julgo é suave e o Seu fardo é leve. Eu acredito que, muitas vezes, um filho de Deus, quando realiza sua união com Cristo, sente-se tão abençoado que ele não conhece nada mais que possa torná-lo mais abençoado do que já é. Ele diz: “Eu sou perfeitamente satisfeito com o meu Senhor, e com o que eu sou nEle. Comigo mesmo, eu estou sempre insatisfeito, e sempre gemendo porque eu não consigo vencer o pecado completamente; mas com o meu Salvador eu estou sempre satisfeito, eu sou vencedor nEle, e me regozijo nEle, de fato, sou abençoado nEle”.

Alguns de vocês sabem quão abençoada coisa é ser um filho de Deus e um herdeiro do céu, quão abençoado é ter o trono de Graça onde você pode levar seus problemas, e ter um Socorro que é forte o suficiente para libertá-lo. Eu falei, outro dia, com um amigo cristão, e disse a ele, “Minha vida, às vezes, assemelha-se a de um homem que caminha sobre uma corda bamba. A caminhada da fé é muito misteriosa; um passo em falso, ou um deslize e onde deveríamos estar?”. Meu amigo respondeu, “Sim, é assim, sem dúvida; mas nessa ocasião por baixo estão os braços eternos”. Ah! Esta é uma bendita adição à ilustração; não há como escorregar para fora da corda sobre a qual Deus nos chama a caminhar; mas, ainda que houvesse embaixo estão os braços eternos, e tudo está bem; e o cristão, quando sabe disto, e vive como alguém deve viver ao estar em Cristo, é, desde agora, um homem verdadeiramente abençoado”.

Informação adicional

Autor